É necessário pagar para ter um Site ou Blog?

Queimar Dinheiro

É necessário pagar para ter um site? Esta é uma pergunta que eu tenho visto com certa frequência na Internet e que na minha opinião depende muito do caso.

Eu diria que para quem pensa em criar um site ou blog estritamente pessoal, para publicação de coisas loucas e sem nexo que acontecem no dia a dia ou que acham interessante, eu diria que os serviços grátis que existem por aí são mais que suficientes.

Mas…. para quem pensa em criar um site mais sério, de uma empresa, organização, divulgação de imagem, trabalho ou mesmo para ganhar dinheiro, eu diria que é necessário “gastar dinheiro” com o domínio e com a hospedagem (caso seja necessário).

Se você faz parte do primeiro grupo, poderá criar seu site em serviços grátis como o Blogger, Webnode, Wix, Weebly, Google Sites ou mesmo utilizar hospedagens grátis como o Free Hosting e instalar um sistema CMS como o WordPress ou o Joomla.

Utilizando estes serviços é possível criar sites ou blogs muito bons, mas lembre-se de que dependendo do caso, você terá limitações que podem atrapalhar o desenvolvimento e o crescimento de seu site, como é o caso de limites de armazenamento e transferência de arquivos, publicidade forçada ou incompatibilidade com algum sistema.

Mas se você quer algo mais profissional, terá que “Investir dinheiro” com o domínio e hospedagem. A vantagem neste caso é que você tem maior controle sobre o site, tem mais liberdade para expansão, mais liberdade de customização, além de “correr o risco de ter um crescimento mais acelerado”.

Crescimento de visitas

crescimentoOs buscadores como o Google dão mais valor a sites cujo o proprietário investe dinheiro em sua estrutura, porque isso demonstra que o dono está mais compromissado em gerar conteúdo que seja útil, se comparado com os webmasters que criam seus sites totalmente grátis e que não terão nenhum problema em abandonar o projeto, já que não gastaram nenhum tostão.

Outro problema neste sentido é que serviços como o Blogger BlogSpot com domínios do tipo seublog.blogspot.com, vem sendo bloqueados na rede interna de empresas e faculdades, que veem todos os blogs do serviço como prejudiciais a integridade dos computadores dos funcionários e alunos. Por causa de uns, eu, você e todo mundo pagam o pato.

Maior credibilidade

Um site estável e com um domínio próprio passa uma imagem mais confiante aos visitantes, o que poderá ser decisivo para ele adicionar seu site aos favoritos, recomendar para os amigos ou divulgar em redes sociais. O mesmo pode ser dito de outros webmasters que pensem em criar um link ou mesmo um artigo falando sobre o seu site/blog.

No caso de sites publicados (como o WordPress e Joomla) um servidor de hospedagem de qualidade é importante porque garante que o site fique mais estável, não saindo fora do ar por qualquer coisa e respondendo rapidamente aos cliques dos visitantes.

Possibilidade de Expansão

Na maioria dos casos, os serviços pagos oferecidos pelas empresas oferecem recursos que permitem que o site continue a crescer sem a necessidade de mudar de empresa. Uma boa empresa de hospedagem por exemplo, é capaz de suprir as necessidades de clientes mais exigentes, oferecendo servidores mais robustos como os VPSs e os servidores dedicados (o CriarSites.com usa um desses).

Ao contrário das empresas de hospedagens grátis, que oferecem servidores de baixo custo para justificar o serviço, o que pode ser um problema para um site que demande maior processamento, maior transferência de dados ou mais espaço em disco.

Mais funcionalidades

Serviços como o Webnode e Weebly oferecem mais recursos em seus planos pagos, como mais espaço para armazenar seus arquivos, a possibilidade de retirar qualquer publicidade da página ou proteger as páginas com senha.

Par quem pretende instalar um sistema CMS ou mesmo publicar um site estático, é recomendado que seja publicado em uma hospedagem paga, pois na maioria dos casos oferecem muito mais estabilidade e poder de processamento do que as hospedagens grátis.

Conclusões
No meu ponto de vista, o “investimento” na estrutura de um website pode ser muito compensador a longo prazo, permitindo que o site receba mais visitas e que fique mais profissional. Por isso acredito que que o investimento na estrutura do site não deve ser visto como uma despesa a mais no final do mês, mas sim como um investimento que trará benefícios.

Você não vai pagar mais do que R$15 por mês com uma hospedagem e domínio (mais barato do que uma pizza com guaraná).

Gostou deste artigo? Então não se esqueça de divulgar nas redes sociais e de deixar um comentário.

About Celso Lemes

Celso Lemes é Blogueiro profissional. Vivo de blogs, blogo para viver, vivo blogando, blogando eu vou vivendo.   Baixe grátis o e-book 12 Passos para Divulgar seu Site ou Blog.
Bookmark the permalink.

52 Comments

  1. Olá Celso,
    Bem isso! Para sites mais profissionais é mais sensato a utilização de uma plataforma mais profissional e com hospedagem paga.
    Claro que hoje existem opções muito boas e gratuitas, como o WordPress.com e o Tumblr e já vi muitos blogs extremamentes profissionais em Blogger.
    No final a qualidade dos artigos é quem fará a diferença, mas utilizar plataformas mais “profissionais” acabam por facilitar a manutenção e melhoramento técnico.
    Abraço!

  2. Eu acho melhor começar um blog, já com hospedagem paga, domínio próprio e tudo, pois depois você vai querer criar migrar de domínios vai ter que fazer inúmeros 301 para as páginas novas. Acho que vale muito o investimento em um domínio e hospedagem. Abras.

    • Decoração de Casamento,
      Se já tiver a intenção de passar o site/blog para uma hospedagem com domínio próprio, realmente é melhor já começar profissionalmente, para evitar perda de posicionamento e o trabalho da transferência, pois provavelmente será necessário editar todos os posts após a transferência.

      Abraço!

  3. Celso,
    Muito bem explicado, não há uma maneira correta, depende muito da situação e motivo da criação do projeto.
    Se for algo pessoal apenas, biografia, fotos, ou algo do genero, sem fins comérciais e profissionais, os serviços gratuitos prestados por algumas plataformas são excelentes (principalmente Blogger e Webnode).
    No caso de um projeto mais elaborado, com maior numero de visitantes vale a pena investir no minimo em um domínio e hospedagem. apesar de que o Blogger não fica para trás, conheço projetos fantasticos no bloger, como o Gerenciando Blog, do Adelson.
    Fica a critério e analise da necessida individual ou da empresa.
    Abraço, Digo Cabral

  4. eu sempre digo, que se voce nao pode pagar 30 por ano no dominio e 12 reais numa hospedagem para investir no seu projeto… é melhor nem começar…

  5. Investir é necessário para crescer. Quem quer ter um blog de sucesso, deve gastar dinheiro e ter paciência pois os resultados virão com o passar do tempo.

    Ótimo post abraço!

  6. Compartilho a mesma ideia do amigo Almy e comentei sobre isso no BlogandoComFacilidade, um blogueiro que não quer pagar 30 por anos e 10 por mês, melhor que não comece, pois em tudo na vida devemos realizar investimentos.

    Abraços,

  7. Também concordo que para projetos puramente pessoais e talvez até recreativos os serviços gratuitos estão ótimos.
    Já para quem pretende ter seu site como um negócio, terá sim que investir, não apenas dinheiro, mas coisas mais valiosas como seu tempo e seu trabalho, afinal não vai adiantar nada investir dinheiro e não trabalhar no site diariamente rsrsr

  8. Ótimo post e concordo plenamente com o que você escreveu. As pessoas que pretendem criar um site apenas para escrever assuntos pessoais, ou sem interesse financeiro, é perfeitamente possível ter um site gratuito. Já quem pretende alcançar algum retorno financeiro, promover produtos, ou empresa, realmente será necessário desenbolsar para uma infra estrutura profissional, caso contrário não haverá crescimento.

  9. Eu utilizo a hospedagem gratuita do wordpress + 1dominio
    gasto cerca de 17$ por ano.

    Cumprimentos

    • Problogger,
      O blog do WordPress.com é ótimo para blogs mais pessoais. O grande problema dele é que não é permitido monetizar o blog, o que o torna uma opção inviável para quem pensa em ganhar algum dinheiro com o blog.

      Abraço!

  10. boa Celso…
    Uso basicamente o .blogspot, basicamente para apresentação de projetos às empresas, ( ao invés daquele montão de papéis, apresento o produto com muita imagens e várias pags).
    Envio a muitas empresas sem conhecer efetivamente quem vai ler…
    Existem comentários, boatos e ou que é realmente fato…
    Gostaria que você,caso possa, negar ou confirmar que as empresas tem filtros que impossibilitam que seus computadores abram blogues que contenham no endereço a palavra “blog”…
    Espero estar no assunto e aproveito para afirmar a grande pertinência do tema…abç

    • Rodolfo,
      Infelizmente isso é verdade. Muitas empresas, faculdades e orgãos públicos bloqueiam acesso a blogs do Blogspot ou que contenha alguma palavra específica.
      Sabia mais sobre este assunto aqui.

      Abraço!

  11. Kati Konishi Lee

    Oi Celso e pessoal!

    Muito bacana teu post, eu acho que depende da visão de cada um realmente; percebo também que é algo cultural sabe, por ex, li alguns comentários do pessoal “um tanto avesso” as hospedagens gratuitas e vejo algo curioso nisso pois fora do BR, digamos os sites em Inglês, conheço muito site realmente profissional de áreas e assuntos variados, que não paga uma hospedagem e mesmo assim tem um começo muito bom e constante. Claro, muitos migram para “$$” pois cresceram entretanto alguns permanecem e continuam estáveis.

    Eu, por exemplo, tenho projetos em servidores pagos e gratuitos, pois no meu caso necessito ambos.

    Somente para ilustrar, tenho um site relacionado para divulgar um “Nail Bar”, salão de unhas, e ele esta hospedado no wix mas pago o básico de domínio pois avalio que no caso SEO ou mesmo diminuir links no site não é o que trás retorno ao meu produto e serviço, o site é somente para mostrar o trabalho e o “menu” pois os clientes são capitados de outra forma e basicamente locais (já que um salão de beleza não é algo móvel); tenho mais 2 projetos no wix (incluindo um e-shop que capita clientes vindos do Ebay) e nestes não estou com domínio no wix, apenas redirecionei sem problemas.

    Possuo contas em blogs não pagos e estou completando um projeto todo pago (hospedagem e domínio) mas posso dizer que, assim como vc cita no post, depende muito, entretanto, não depende somente de ser um site profissional ou não mas também do publico que vc tem ou quer ter e se o site será o seu “cartão de visitas” ou somente uma ferramenta para um negocio já existente.

    Já usei o serviço pago do Webnode, já usei Bluehost, wix pago e varios outros gratuitos e tudo depende, o que não vale é achar que todos os projetos precisam ser pagos assim como alguns comentaram pois, gente, não basta saber somente usar das ferramentas online mas é preciso também ter inteligência administrativa para manter um negocio, afinal vc pode ser o melhor dos webmasters e pagar um VPS huge, mesmo assim, se vc não sabe conduzir um negocio não será o seu conhecimento no mundo virtual que irá lhe ajudar.

    Bem é isso, acho que me estendi e ficam algumas dicas:
    Se vc quer somente diminuir seu free domínio eu aconselho cjb.net e se vc quer serviço barato e bom eu gosto do namecheap.com, mas como eu disse depende do que é o seu projeto.

    Celso continuo ligadona no seu site desde que o descobri em 2010 e graças a vc voltei para o mundo online depois de uns anos off e acho que daqui um tempo também viverei só dele :) muito obrigada pelo seu ótimo e “fácil” site.
    Kati.

  12. Kati Konishi Lee

    Ahhh, desculpe de novo eu aqui, mas somente para inspirar os novatos e “protestar” :p contra os que acham que somente blog ou site pago é que vale, digo somente “Maurício Meirelles” do kibeloko, para que não sabe ele somente veio a ter site e domínio pago a alguns anos (acho q uns 5 anos??) bem mas ele é um exemplo de blogueiro pro que tinha um tipo de material que dava muito bem para começar “de grátis” e muito antes de ele ir pro pago, que se não me engano é a lokaweb, ele fez seu nome e $$$ no blogspot…

    :)Pensar grande não necessariamente significa que você tem visão ampla do que pode e tem ao seu alcance :)
    Flw gente.

    • Olá Kati,
      Que legal o seu comentário. Você citou coisas que eu não tinha pensado. Realmente também depende do tipo de público que o site vai receber.
      De qualquer forma, mesmo que esteja utilizando o Wix, Webnode ou Blogger, que são ótimos serviços, o uso de um domínio é essencial para um site mais sério.
      Ps. Eu não recomendo o uso de subdomínios grátis, porque eles costumam apresentar problemas, o que pode prejudicar muito o crescimento do projeto. Um exemplo recente foi o Co.cc que havia sido banido completamente do Google.

      Abraço!

      • Kati Konishi Lee

        Oii..
        Mas o CJB não é registrod e dominio grátis, ele apena redireciona o seu domino, por exemplo se vc tem um álbum online e a extensão é muito grande (do endereço) vc pode usar o cjb para apenas para encurtar sua url…

        Já o namecheap.com é um hosting normal como os outros (tem que pagar) mas ele tem preços bem em conta para registro de domínio.

        Desculpe, somente para explicar pois acho que você entendeu que estes dois são como o co.cc mas na verdade nenhum deles fornece endereços gratuitos.
        Abraços,
        Kati.

        • Kati,
          Entendi mal mesmo. Neste caso é apenas um redirecionamento. Se usado apenas para indicar o site as pessoas, não tem problema nenhum.
          O que não se deve fazer é utilizá-lo para divulgar em outros sites, redes sociais e etc, porque o redirecionamento pode deixar de funcionar (embora não tenho ouvido isso do CJB).

          Abraço!

  13. Acredito que um “meio-termo” funcione bem …

    Desde 2010 tenho o http://www.interfoneilha.com
    no Webnode , hospedado gratis, e com dominio pago anualmente na Uol (R$ 15 ou 20 anual).

    A quantidade de visitas e retorno no meu ramo de trabalho tem sido cada vez melhor.

    Inclusive estou bem colocado no Google, talvez por sempre estar atualizando informações com bom conteudo e originais (escritos por mim).

    Em compensação o blog http://www.semprenaestrada.com no WordPress com dominio (15 ou 20,00 anual) e hospedagem na Uol (R$ 20,00 mensal), não tem me dado muito retorno ($$$) , apesar de verificar no Google Analitcys um numero maior de visitas do que os outros sites .
    Porem como este projeto esta me servindo para lidar com a plataforma WordPress , e para o qual no futuro pretendo dedicar mais tempo ,o valor que pago é compensador.

    • Guru,
      O Webnode é um ótimo serviço, é certo que ele tem suas limitações, mas se utilizar um domínio próprio, as chances de crescimento aumentam muito. Parabéns pelos seus projetos.

      Abraço!

  14. Celso eu usei por muito tempo o blogger e WordPress.com, realmente quando precisei alavancar um pouco mais os meus conhecimentos sobre blogs e o que queria mostrar com um pouco mais de profissionalismo, me faltaram recursos.
    Não sou um Expert, mas resolvi comprar um domínio com Hospedagem e olha, há recursos que ainda desconheço.
    E isto não custa tão caro assim, um único alerta é que saibam escolher a hospedagem.

    • Edvaldo,
      Realmente o investimento não é tão alto. Como eu citei no artigo, é possível adquirir uma hospedagem profissional com domínio por menos de 15 Reais por mês.
      A hospedagem realmente pode ser um problema. Eu mesmo já passei por empresas meia boca, cujo o atendimento era péssimo e o servidor pior ainda. É necessário tomar cuidado com a empresa que escolhe.
      Uma que eu venho recomendando para o pessoal é a HostGator.

      Abraço!

  15. Olá Celso,

    Acredito que essa visão é bastante “relativa”, porque realmente podemos criar um projeto com qualidade a custo zero, como no Blogger. Agora… se quisermos realmente usar a internet para batalhar pelo pão de cada dia, temos que levar em conta que isso é um negócio, assumindo também a visão do investimento.

    Abraços

    • Olá Bruno,
      Também concordo que o Blogger pode ser uma excelente opção. É claro que ele tem suas limitações, o que a longo prazo podem atrapalhar o crescimento. Mas se for um blog mais recreativo ou desimportante, ele pode cair como uma luva.

      Abraço!

  16. Eu sempre fui atrás dos gratuitos e confesso que realmente muitos possuem um serviço de qualidade bastando a pessoa também ter certos conhecimentos para transformá-los.. só que a liberdade é uma questão que só a hospedagem paga pode oferecer.. por isso que irei migrar o mais rápido possível.

    Já estou pagando.. falta apenas migrar o blog… mas com o medo de perder minhas visitas e indexações… estou primeiro tentando aprender como proceder com a migração.. para depois fazer de fato.

    • Olá Dani Fuller,
      A transferência do Blogger para WordPress é mesmo complicada para quem nunca fez isso, principalmente pelo fato de que poderá perder visitantes e posicionamento nos buscadores.
      Recomendo que continue estudando como será a mudança para não fazer nada que prejudique seu blog.
      Qualquer dúvida, passe por aqui para perguntar.

      Abraço!

      • O Marcos Lemos está com uma ótima opção para quem deseja migrar de Blogger o WP.com para o WordPress. Ele oferece esse serviço para os clientes da FBlog Host. Indico porque o próprio Marcos já vivenciou esta situação e sabe das dificuldades apontadas acima.

  17. Stenio Ribeiro

    Concordo com cada palavra, Celso.
    Se estivermos procurando criar um projeto com visão profissional, ou seja, tratar o Blog como um negócio, a melhor escolha é adquirir um dominio próprio junto a uma hospedagem paga.
    Abraços!

  18. Celso Lems, bom dia!
    Há algum tempo venho pesquisando sobre o comércio na internet, pois tenho interesse em montar um site para ganhar dinheiro e sei que isso acontecerá ao longo prazo, mas considerando que não tenho uma loja ou produto não sei por onde nem como investir e tem meu trabalho também. Pode me ajudar nesse projeto?

    Certo de vossa colaboração agradeço antecipadamente,

    Gil Rocha

    • Gil,
      Neste caso a melhor opção seria optar por um sistema profissional, que permita receber pelas compras de uma forma fácil, com sistema de gerenciamento de produtos e de estoque. Eu já testei uma vez um sistema oferecido pela Iset, que atendeu as minhas expectativas.

      Abraço!

  19. Gostei muito das dicas. Mas fiquei com uma dúvida…estou com o projeto de fazer um site que futuramente cresça e me ofereça um retorno, porém de início pretendo não investir em domínio e hospedagem pagos. Caso eu comece utilizando domínio e hospedagem grátis, mais tarde, quando o nº de acessos aumentar e o conteúdo publicado requerer maior espaço, poderei utilizar no mesmo site domínio e hospedagem pagos?

    Agradeço pela ajuda.

  20. Olá, Celso.
    Eu pretendo criar um site para uma escola particular de grande estrutura e queria um auxilio de onde, por onde e como começar a fazer isso ?
    Desde já! Agradeço. :D

    • Matheus,
      Criar um site simples é fácil, mas se a escola exigir um bom trabalho, dificilmente você conseguirá assim de cara, porque não tem o conhecimento necessário. Neste caso eu recomendo que procure uma empresa que possa desenvolver o site profissionalmente.
      Se mesmo assim você quiser criar o site, recomendo que utilize construtores de sites. Uma boa empresa de hospedagem que oferece um construtor é a Hostgator.

      Abraço!

  21. Raoan Pereira Santos

    Bom dia meu amigo eu tenho uma pequena duvida…
    Eu ja tenho meu dominio e minha hospedagem sendo pago os mesmos,
    agora como eu faço para criar meu site??
    Preciso pagar um site tabm ou posso criar um free e transferi meu dominio????? obrigado desde já

  22. Olá, Celso. Vi algumas lamentações sobre falta de dinheiro acima e me identifiquei, lembrando os velhos tempos. Se eu tivesse que começar tudo de novo (com as teias de aranha no bolso) eu abriria um blog de nicho no Blogger, leria todos os dias os artidos dos top 10 blogs desse nicho e, com esse conhecimento, escreveria artigos releventes feito doido, de um a três por dia. Já que o Blogger permite a inclusão do Adsense (penso que ainda o permite), utiizaria esse meio para realizar uma proto-monetização que pagaria meu domínio próprio e, logo, as hospedagem para migrar o mais rápido possível para meu próprio servidor. Fica a dica.

  23. Pingback: 15 Razões para Você Registrar Seu Domínio Próprio Personalizado

  24. N entendo muito sobre isso. Mas se eu quiser fazer um site/blog pago , vou ter que ficar pagando ate eu n quiser mais?

  25. Maria Marilda

    Boa tarde Celso!

    Estou em uma busca incansável por respostas e chegando aqui em seu blog, reparei que você responde a todos, o que me deu interesse de comentar aqui para você uma dúvida que está me incomodando:

    – Para os sites WordPress e Blospot é necessário a hospedagem para que seja profissional? Na verdade o que ela vai fazer, que simplesmente colocando o domínio e criando nos próprios sites acima eles não fazem?

    Lembrando que eu quero muito monetizar o blog com adsense, afiliados e parceiros, mas reparei que você disse que direto no wordpress não pode, é isso mesmo? E no blogspot eu vou poder?

    Enfim, estou muito confusa com relação a hospedagem sabe? Nem pelo dinheiro, mas por toda complicação. Se você, com sua sabedoria e conhecimento, pudesse me explicar melhor, eu agradeceria muito, de coração. Eu agradeço imensamente desde já, viu?

    Seu blog é lindo! Parabéns pelo trabalho. Um abraço!

    • Olá Maria,
      Referente a sua dúvida, o Blogger já é uma plataforma hospedada, portanto não tem como alterar isso.
      Já o WordPress oferece duas versões, uma hospedada e outra que você pode instalar em um servidor a parte. A diferença é que a segunda permite fazer muitas modificações no blog que a instalada não permite, como exemplo, a instalação de novos templates e plugins.
      Além disso, blogs criados no WordPress.com não podem ser monetizados, portanto se a sua ideia é ganhar dinheiro com o blog, você teria mesmo que escolher entre o Blogger ou a versão a ser instalada em servidores externos.

      Em uma comparação entre o Blogger e WordPress, a diferença é que o WordPress a ser instalado oferece mais recursos para customizações e diversas ferramentas que permitem melhorar o desempenho. No entanto para a maioria das pessoa, o Blogger já é o suficiente (além de ser de graça).

      Abraço!

      • Perfeito César, muito obrigada pela resposta! Andei lendo muito sobre o assunto também e decidi que irei começar no blogger, porque eu domino mais esta plataforma.

        Quero dizer que estou acompanhando o blog e agradeço de coração por toda ajuda. Um abraço!!

Atenção antes de Deixar um Comentário!
- Se o seu comentário for relacionado ao post, tenha certeza de que o leu.
- Todo comentário obsceno, ilegal, ofensivo, anônimo, escrito todo em maiúscula, contendo gírias em excesso ou estritamente publicitários, serão "apagados".
- Somente inclua links no comentário se ajudar a explicar o seu comentário.
- Se precisa de ajuda, procure deixar o máximo de informação possível.
- Não peça para adicionar ao MSN.
- Spam não será tolerado.


Este site lhe foi útil? Então ajude na divulgação clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>